Editor: Luiz Aparecido da Silva
 
 
Anúncios
Expediente
Email / Contato

06-11-2017
Sedano e Weiss vencem a Cascavel de Ouro
 Divulgação 
Weiss e Sedano comemoram a vitória na 31º Cascavel de Ouro
 

O ditado de que corridas são corridas, sintetiza a vitória da dupla Marcel Sedano/Walmor Weiss na prova de 50 anos da Cascavel de Ouro, disputada ontem no Autódromo Zillmar Beux, em Cascavel. Largando na 33ª posição com um Gol preparado pela Stump Preparação, sem a chuva que poderia embaralhar resultados ou qualquer outro indicativo de que podia surpreender os favoritos, Marcel Sedano completou o último turno das 120 voltas da prova num tempo de 3h02m05s849 com uma confortável vantagem de 15s499 sobre o segundo colocado.
A dupla cascavelense, formada por Edgar e Israel Favarin (pai e filho) conquistou o segundo lugar. Edgar é o maior vencedor da prova, já tendo vencido seis vezes, conquistou o segundo lugar. A dupla de Goiás, composta por Wellington Justino/Edson Valle chegou na terceira colocação, à frente de Edson Bueno/Diogo Pachenki, Daniel Kaeffer/Carlos Souza, Nicolas Salmini/Gustavo Frigotto, Caíto Carvalho/Paulo Bento, Luiz Ribeiro/Peter Ferter, Leandro Zandoná/Paulo Pizzoni e Guilherme Sirtoli/Leônidas Fagundes, que pela ordem, completaram as 10 primeiras posições da prova.
Ao comemorar a vitória, Valmor Emílio Weiss disse que está ninguém tira, referindo-se a vitória de 2014 (em dupla com Edgar Favarin), que perdeu nos tribunais da CBA (Conferação Brasileira de Automobilismo), quando perderam recurso de Leandro Zandoná/Daniel Kaefer, por falta de peso no carro. Ele também comentou que foi uma corrida difícil, depois de largar em 33. “Tivemos muitos problemas nos treinos, com a pista molhada. Nosso carro estava bom para a pista seca e isto ficou claro com a vitória. Assumi a primeira colocação antes da primeira parada. Entrei o carro em primeiro ao Sedano e ele manteve a posição até me devolver. Isto foi fundamental para a vitória”, diz Valmor Emìlio Weiss, que se torna tricampeão da Cascavel de Ouro, uma vez que venceu em 1996, com Edgar Favarin e em 1997, com Antônio Espolador.
Marcel Sedano, de 55 anos, comemorou a vitória como um garotinho de kart. “Fizemos uma grande corrida. A equipe nos deu um carro competitivo. É uma vitória de toda a equipe. Todos estavam focados. Mas acho que hoje o Cara lá de Cima olhou e disse que nós seríamos os vencedores. Paramos no momento certo e conseguimos aproveitar uma entrada do safety car”, completa Sedano.
Além do Troféu Cascavel de Ouro (36 gramas de ouro), Weiss e Sedano levaram um cheque de R$ 100 mil como prêmio.

Resultado da 31ª Cascavel de Ouro.
1º) Marcel Sedano/Walmor Emílio Weiss (SC/PR), Stumpf Preparações, 3h02m05s849
2º) Edgar/Israel Favarin (PR/PR), Stump – Paraguai Racing, a 15s499
3º) Edson do Valle/Wellington Justino (GO/GO), Classe A-Ferrari Motorsport, a 17s434
4º) Edson Bueno/Diogo Pachenki (PR/PR), Stumpf Preparações, a 26s349
5º) Daniel Kaefer/Carlos Souza (PR/PR), Sérgio Ferrari Racing Team, a 1m01s808
6º) Nicolas Salmini/Gustavo Frigotto (PR/PR), Salmini-Paraguay Racing, a 1min14s667
7º) Caíto Carvalho/Paulo Bento (PR/PR), Sensei-Sorbara Motorsport, a 1 volta
8º) Luiz Ribeiro/Peter Ferter (PR/MS), Ourocar-Charrua Racing, a 1 volta
9º) Leandro Zandoná/Paulo Pizzoni (PR/PR), Ferrari Motorsport, a 1 volta
10º) Guilherme Sirtoli/Leônidas Fagundes (PR/PR), Sérgio Ferrari Racing Team, a 1 volta
11º) Davi Dal Pizzol/Gustavo Dal Pizzol (SC/SC), Pein Competições, a 1 volta
12º) Gustavo Myasava/Pedro Saderi (PR/PR), MRF Motorsport, a 2 voltas
13º) Anderson Portes/Juliano Bastos (PR/PR), Sérgio Ferrari Racing Team, a 2 voltas
14º) Marcelo Campagnolo/Gastão Weigert (PR/PR), Sivel Competições, a 2 voltas
15º) Rafael Suzuki/Renato Constantino/Luciano Lobão (SP/DF/DF), Salmini-Paraguay Racing, a 2 voltas
16º) Felipe Carvalho/Cássio Cortes/Guilherme Salas (PR/RS/SP), Sensei-Sorbara Motorsport, a 3 voltas
17º) Wilians Peres/Guto Baldo (PR/PR), Abreu Motors, a 4 voltas
18º) Ricardo Landi/Ronaldo Giordani (SP/RS), Tuta Racing-Autotech, a 4 voltas
19º) Fernando Fortes/Raijan Mascarello (SP/MT), Tuta Racing-Autotech, a 4 voltas
20º) Beto Monteiro/David Muffato (PE/PR), Sensei-Sorbara Motorsport, a 5 voltas
21º) Leandro Totti/Maicom Tumiate (PR/PR), AGB Preparações, a 5 voltas
22º) Alexandre Seda/Francisco Paiva Júnior (RJ/RJ), Grupo TMC-Landerson Competições, a 6 voltas
23º) João Paulo Naumes/Alisson Nurnberg (PR/PR), MP Competições, a 6 voltas
24º) Gilliard Chmiel/Gelmar Chmiel Júnior (PR/PR), Stumpf Preparações, a 9 voltas
25º) Hélio Fausto/Pedro Cardoso (DF/DF), Tomgape Racing Team One Technology, a 11 voltas
26º) César Bonilha/Juca Lisboa (PR/SC), Impact Racing, a 14 voltas
27º) Marcelo Beux/João Paulo Gelain (PR/PR), Speed Car, a 19 voltas
28º) Fábio Tokunaga/Paulo Henrique Costa (PR/PR), Red Foot Racing Team, a 19 voltas
29º) Michel Giusti/Jorge Martelli (SC/SC), MP Competições, a 19 voltas
30º) Analino Sirtuli/João Lemos (RS/POR), Choka Car Racing, a 22 voltas
31º) Vilmar Malagi/Gustavo Veronez/Matias Pinheiro (PR/GO/GO), MG-Ferrari Motorsport, a 26 voltas
32º) Miguel Laste/Ricardo Sperafico/Rodrigo Sperafico (PR/PR/PR), Sérgio Ferrari Racing Team, a 38 voltas
33º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR/PR), Stumpf Preparações, a 39 voltas
34º) Rafael Colombari/Mário Garibaldi Filho (PR/PR), Red Foot Racing Team, a 39 voltas
35º) Júnior Caús/Ingmar Biberg (PR/PR), Caús Motorsport, a 41 voltas
36º) Roney Ribeiro/Felipe Braz/Luiz Fernando Pielak (PR/PR/PR), Stumpf Preparações, a 45 voltas
37º) André Nicastro/Marcos Regadas/Lukas Moraes (SP/MA/SP), Salmini-Paraguay Racing, a 46 voltas
38º) Rogério dos Santos/Dorivaldo Gondra Júnior (PE/PE), Jeg Team-Fast Racing, a 49 voltas
39º) Renato Braga/Leandro Romera/Leandro Reis (GO/SP/GO), Pimba Competições, a 56 voltas
40º) Cleves Formentão/Gabriel Formentão (PR/PR), Speed Car, a 56 voltas
41º) César Cardoso/Mallaco Maam/Cleber Fonseca (RS/SP/PR), Fast Racing, a 66 voltas
42º) Odair dos Santos/Thiago Klein (PAR/PR), Stumpf-Paraguay Racing, a 70 voltas
43º) Natan Sperafico/Gabriel Correa (PR/GO), Sérgio Ferrari Racing Team, a 81 voltas
44º) Fernando Júnior/Clemente Moroni (RS/RS), a 87 voltas
45º) Lorenzo Massaro/Paulo Salustiano (PR/SP), Speed Car, a 91 voltas
46º) Alexandre Frankenberger/Rafael Bastos (SC/SC), MIG Motorsport, a 98 voltas
47º) Gustavo Magnabosco/Eduardo Berlanda (SC/SC), Pein Competições, a 101 voltas
48º) Betão Fonseca/Adriano Rabelo (SP/CE), Centerbus-Sambaiba, a 101 voltas
49º) Ariel Barranco/Rafael Barranco (PR/PR), RB Motorsport, a 102 voltas
50º) André Bragantini/Galid Osman (SP/SP), Sensei-Sorbara Motorsport, a 111 voltas.

 Divulgação 
Pódio da edição histórica, que marcou os 50 anos da Cascavel de Ouro
 
>> voltar